Image module

MIRANTE DO PARQUE LAGOAS DO NORTE
Teresina-PI, BR, 2015-2016

A necessidade da construção de um mirante para complementar os usos de lazer do parque surge com a ideia de oferecer aos visitantes um lugar de contemplação do todo a partir de um ponto alto (20 metros de altura) e com localização privilegiada na intervenção urbana.
A abrangência da vista 360 graus proporcionada pelo equipamento abrange grande parte da requalificação urbana das orlas das lagoas incluindo o Pólo Cultural até o ponto de máximo clímax: o espetáculo natural do encontro do Rio Parnaíba com o Rio Poti.
O elemento, de planta circular, oferece uma circulação perimetral ao redor de uma estrutura central em concreto armado, a qual, além da sustentação do conjunto arquitetônico divide seu espaço interno entre elevador para uso dos visitantes e caixa d’ água.
A ideia é a de organizar um “promenade” ao longo do percurso circular de subida através de um jogo de luz e de sombra resultante da iluminação natural que se filtra pela “pele” do elemento arquitetônico que, por sua vez, projeta sombra para o visitante que sobe as escadas.
No final do percurso, no topo do prédio, há uma cobertura pensada para a proteção do sol e para recolher as águas pluviais até um ponto de descida vertical interno.
O mirante também apresenta uma “pele” em malha – ou camada externa – que faz referência e homenagem ao trançado das tiras de origem vegetal com as quais são elaborados vários utensílios domésticos e artesanatos na região, como cestos e bolsas.

Cliente
Prefeitura Municipal de Teresina – PI
Banco Mundial – BIRD

Área / Valor
352,5 m2 / BR $ 1.614.210

Consultores
MPB Engenharia – Consórcio Teresina Sustentável

Equipe
María Fernanda Arias Godoy, Gabriela Amorim, Robert de Paauw