Image module

RENOVA SP PIRAJUSSARA 5 – PROJETO BÁSICO DE URBANISMO E PAISAGISMO
São Paulo-SP, BR, 2011-2019

O principal objetivo do concurso era a contratação de projetos de arquitetura, planejamento e desenho urbano em 22 áreas de ação integrada na cidade informal das favelas de São Paulo, com um investimento de 58 milhões de reais, que beneficiará 73.136 habitantes em uma superfície de ação total de 55.642.278m². No concurso foi levado em conta as ações em zonas de risco, implementação de infraestrutura urbana, drenagem, construção de espaços públicos e novas unidades de habitação coletiva, de modo que esses lugares se transformem em novos bairros pertencentes à cidade formal.
A proposta parte da leitura que a cidade informal tem crescido sobre o rio ou dado as costas para ele, pois o percebe como um lugar inóspito, sujo e desagradável. A partir da avaliação deste cenário, o objetivo do projeto é aproximar o rio da população. Pretendemos mostrar a imensa riqueza que representa ter um rio e seus sistemas perto de casa e incentivar a interpretação das dinâmicas que ocorrem ali. Através do conjunto de propostas apresentado, incentivamos também a participação da população em iniciativas pela preservação do meio-ambiente.
Dessa forma, se realiza um trabalho de transição desde a cidade ocupada pelos humanos até os sistemas submetidos às dinâmicas naturais. O partido estabelece que a construção do vazio deva ser uma prioridade para áreas carentes de espaços abertos. A estratégia é gerar um grande Parque linear que potencialize o corredor verde fluvial e faça uma transição suave entre este ecossistema e o tecido urbano existente. A multiplicidade de serviços que são prestados na comunidade consolida esses eixos cívicos de convivência e de intercâmbio cultural e permite à população reconhecer o delicado sistema ambiental que a rodeia. O paisagismo tem um papel relevante nesta operação de cirurgia urbana, como instrumento de pacificação do tecido urbano, gerando nele conectividades e dotando de qualidade ambiental uma porção da cidade que carece de identidade.

Prêmios
1º PRÊMIO CONCURSO DE IDEIAS

XVI Bienal de Arquitetura de Veneza – Projeto selecionado para o Pavilhão do Brasil, 2018

Cliente
Prefeitura Municipal de São Paulo-SP / Secretaria Municipal de Habitação

Área / Valor
408,5 ha / R$ 3.842.656

Associados
LIBESKIND+LLOVET Arquitetos
Jansana, de la Villa, de Paauw Arquitectes

Equipe
Autores: Claudio Libeskind, Sandra Llovet, Robert de Paauw, Imma Jansana, Conchita de la Villa, Toni Abelló e Carlota Socias. Equipe: Adriano Soares, Marina Rosa, Natália Leardini, Ariane D’Andrea, Vinicius Libardoni, Bruna Bimeghini, Luana Pereira, Beatriz Vanzolin Moretti, Gabriel Faria de Paula, Gabriela Barbosa Amorim, Guilherme Filocomo, Márcia Endrighi, Camille Bianchi

Consultores
BAC ENGENHARIA / EGI

3D
Cassio Oba